Pessoas com poucos amigos na verdade são gênios que não querem aturar gente chata

10

Pessoas com menos amigos não são solitárias, são génios! Em qualquer momento, tens um (talvez dois) melhores amigos que são toda a tua vida. Não tens um “grupo de amigos”. Não consegues acompanhar tudo isso.

Não é que sejas anti- social, és seletivamente social. Principalmente porque conversa fiada stressa-te como louca, precisas de conversas mais profundas para fazer te sentir viva, e não há muitas pessoas com quem possas mergulhar profundamente.

Manter amizades é uma luta constante para ti. Alguns dias podes conversar por horas, mas às vezes não és tão bom em responder e falar ao telefone.

Não é pessoal! Seleciona as tuas chamadas telefónicas, até mesmo dos teus amigos mais próximos.

Num artigo no The Washington Post , Carol Graham, pesquisadora do Instituto Brookings que estuda a economia da felicidade, disse: “As descobertas sugerem (e não é surpresa) que aqueles com mais inteligência e capacidade de usá-la… são menos prováveis, gastar tanto tempo a socializar porque eles estão focados em algum outro objetivo de longo prazo.“

Consegues até te conectar com as pessoas com muita facilidade, esse não é o problema. É apenas a manutenção que achas difícil – provavelmente odeias o telefone porque é tudo intrusivo e afasta a tua mente do que estás focando profundamente (e estás sempre te concentrando profundamente em algo).

A tua mente não muda de direção facilmente. Ouvir uma coisa e ver outra coisa é um monte de informações sensoriais empilhadas em cima de tudo o que já está a acontecer na tua cabeça.

Veja também:  No fundo o que as mães querem é uma coisa só: que seus filhos sejam felizes

É por isso que às vezes não queres te socializar – preferes usar esse tempo para perseguir os teus objetivos. Mas não é porque não gostas de pessoas – na verdade é o oposto. Não gostas das barreiras como conversa fiada, por esse motivo preferes evitá-las a todo custo.

Um estudo recente publicado no British Journal of Psychology diz que as pessoas mais inteligentes se dão melhor com uma quantidade menor de amigos. “Indivíduos mais inteligentes experimentam menor satisfação com a vida com socialização mais frequente com os amigos”, disse o estudo. Pensa em todas as coisas que desejas descobrir ou alcançar.

Na medida em que a interação social frequente diminui a procura desses objetivos, isso pode afetar negativamente a tua satisfação geral com a vida.

Basicamente, és incrivelmente inteligente. E não deves deixar ninguém fazer com que sintas que há algo de errado, apenas porque não gostas de socializar e preferes apenas ter alguns amigos íntimos com quem partilha o teu mundo inteiro.